Quem sou eu

Minha foto


Deus conta com seus “anônimos” para revolucionar o mundo: Pessoas comuns, cheias do Espírito Santo, acessíveis à voz e direção de Deus, é que darão cabo à GRANDE COMISSÃO. Se formos conhecidos nos Céus como homens e mulheres que estão sempre na presença de Deus; Se formos conhecidos no inferno como HOMENS E MULHERES QUE PERTENCEM AO REINO DE DEUS. Certamente o mundo nos reconhecerá como verdadeiros cristãos. Não impressionamos Deus possuindo uma magnífica biblioteca diante da qual nos dobramos. Atraímos sim, o olhar de Deus quando o buscamos de todo coração, fazendo a Sua vontade e realizando a Sua obra. (João 4:34).

Indiferença - Uma doença que mata.

O que é indiferença? Seria um desvio de comportamento, um costume, uma forma de sobrevivência, um mecanismo de defesa, de resistência, ou conseqüência do egoísmo e do medo? O fato é que todos nós, uns mais outros menos, somos indiferentes, "passamos ao largo" de muitas coisas, realidades, fatos e pessoas, em algumas situações, até de nós mesmos.A indiferença tem um poder devastador. Ela é a companheira doentia do dominador e opressor, também dos que preferem as desigualdades, a violência, o ódio e a morte. Os indiferentes, de uma forma ou de outra, ferem, rejeitam, excluem, matam. Está correta a conclusão: o contrário do amor não é o ódio, mas a indiferença.Esta poderosa doença está presente em toda história dos seres humanos, ela é milenar. Já nos relatos bíblicos a indiferença é apresentada como um comportamento que impede a vida, a salvação do outro, a cura, gestos de solidariedade. Cito somente duas cenas bíblicas. Primeiro a história de Jonas, ele foge da sua missão. No navio dormiu, ficou indiferente à tempestade que ameaçava a vida dos marinheiros. Enquanto fugiu da sua missão ficou indiferente a tudo e a Deus. Cito, ainda, a parábola do bom samaritano (Lc 10). O sacerdote e o levita passaram ao largo da vítima do assalto. Preferiram a indiferença e negaram-lhe socorro e cuidado. O samaritano, uma pessoa simples, atendeu aos gritos da vítima. Com facilidade verificamos que a indiferença das pessoas causou sofrimento e morte na história da humanidade.
Creio que podemos resistir, nos defender e sobreviver, resgatando e desenvolvendo outros valores e mecanismos de relações humanas que, por sua vez, passam ao largo da indiferença. A vida comunitária de fé associada ao exercício saudável da cidadania é um milagroso remédio contra o mal da indiferença. Quero dizer que uma espiritualidade participativa, fundamentada no evangelho, e o exercício de uma cidadania ativa tornam-nos atentos e ligados a tudo e uns aos outros, envolvem-nos com o sofrimento do outro e com a alegria de todos. É por isso que cremos na renovação da vida.O amor e a graça de Deus anunciam diariamente para nós a possibilidade de renascimento e desperta-nos para a ação pela vida, para o envolvimento comunitário e social. Quando não nos isolamos em nossos "mundinhos", quando evitamos pensar só em nós mesmos, quando abrimos nossos olhos e ouvidos, os sinais, a graça e o amor de Deus nos constrangem e denunciam a nossa indiferença, movendo-nos para caminhos novos que transpiram vida, justiça, esperança e paz.Uma vida social ativa e a fé no Deus da justiça e da paz, vivo, nos levam a uma saudável e constante briga contra a indiferença, impedindo que ela crie raízes em nós, em nossa comunidade, em nossa sociedade.
Longe de nós a indiferença,esta doença crônica que causa sofrimento e mata.Que a paz e a voz de Deus abram sempre nossas algemas,descruzem nossos braços, desanuviem nossos olhos, despertem nossa paralisia e movam-nos para o companheirismo, para a alegria da partilha, do afeto, da solidariedade e da construção de esperanças. (Guilherme Lieven *)














quarta-feira, 29 de agosto de 2012

LIDANDO COM A INSENSATEZ DE UMA GERAÇÃO PERVERSA

Tenho observado em nossa geração, um esfriamento no amor e nas coisas que são prioridades para uma caminhada ao lado do Senhor. Temos trazido determinadas coisas, como culturas, festas e até mesmo liturgias de outras religiões, fazendo com que o povo de Deus desconheça ainda mais o nosso Senhor. Não devemos nos supreender com esta estratégia adotada pelo nosso inimigo "Satanás". Há muito tempo ele tem trabalhado na questão de impedir que a verdade da Palavra de Deus chegue em nossos corações. Portanto, me levanto como homem de Deus para denunciar esta estratégia maligna que tem trazido cegueira e com Ao meditar na Palavra do Senhor pude perceber que não é de hoje que pessoas falam muito bem, e até enganam muita gente com belos discursos de sabedoria, mas Deus tem me chamado a atenção sobre a diferença entre conhecimento e sabedoria. Conhecimento qualquer pessoa pode ter, sabedoria somente quem está em Deus, por exemplo: Quando leio o livro de Provérbios, posso ver um homem falando de conhecimento e que nos convida a buscar sabedoria, ele nos manda gastar tudo o que temos para adquirir sabedoria. Sabemos que Salomão dormiu tendo conhecimento e acordou sábio. Isto nos mostra que para termos sabedoria é necessário fé. Pode ser muito fácil falar de coisas que não vivemos, basta ouvir uma bela história para depois reproduzi-la de outras maneiras, ou até mesmo, dizer que foi a própria pessoa que a viveu. Não quero parecer uma pessoa exagerada em meu comentário, só quero com isto, tentar mostrar que não são experiências, nem conhecimento vindo através de estudos que nos tornam sábios, somente nossa fé nos conselhos do Senhor e a rapidez em aplicá-los é que fará com que nos tornaremo sábios, veja: "Quem é esse que obscurece o meu conselho sem conhecimento"(Jó 42:3) O texto fala de um momento onde Jó é repreendido por falar de coisas que não sabia e que ele percebe que mesmo sendo um homem de Deus, falava de muitas coisas só por ter ouvido outras pessoas falarem. Entendo que estamos em um momento muito perigoso para ficarmos presos ao conhecimento e experiência de outras pessoas, devemos construir nosso conhecimento através de um relacionamento com Deus, não digo que não devemos mais ouvir ninguém, só que você possa despertar para não se acomodar em ensinamentos baseados por experiências alheias, construa a sua própria experiência meditando dia e noite na Palavra do Senhor.

sexta-feira, 5 de fevereiro de 2010

"Do teu louvor transborda a minha boca,
que o tempo toda proclama o teu resplendor".
Salmo 71.8

Voz em Santidade


... Um dia desses, não me lembro bem quando, fui dormi chorando, não que já não houvesse acontecido isto outras noites, mas esta foi especial. Minhas lágrimas escorreram formando notas musicais e lentamente escorriam sobre o meu rosto e soavam uma melodia serena, um tanto melancólica até enfim tocarem meus lábios, que sem ter como negar, ousou cantar tal canção e percebi que é possível traduzir as lágrimas, mas que isso, vi que a minha vida é feita de canção, quando sorrio, canto de alegria, quando choro, meu pranto canta por mim, então tive medo, porque se a vida tentar calar a minha voz melodias triste me acompanharam por toda a vida, mas ainda assim louvarei a Deus, porque ninguém nunca me impedirá de viver da música.

DEUS CAPACITA OS ESCOLHIDOS.

Conta certa lenda,que estavam duas crianças patinando num lago congelado. Era uma tarde nubladae fria e as crianças brincavam despreocupadas. De repente, o gelo se quebroue uma delas caiu,ficando presa na fenda que se formou. A outra, vendo seu amiguinho presoe se congelando, tirou um dos patinse começou a golpear o gelo com todasas suas forças, conseguindo por fimquebrá-lo e libertar o amigo. Quando os bombeiros chegarame viram o que havia acontecido, perguntaram ao menino: Como você conseguiu fazer isso? É impossível que tenha conseguido quebrar o gelo,sendo tão pequeno e com mãos tão frágeis! Nesse instante, um ancião que passava pelo local,comentou: Eu sei como ele conseguiu. Todos perguntaram: Pode nos dizer como? É simples respondeu o velho. Não havia ninguém ao seu redor, para lhe dizer que não seria capaz.
"Deus nos fez perfeitos e não escolhe os capacitados, CAPACITA OS ESCOLHIDOS.
Fazer ou não fazer algo só dependede nossa vontade e perseverança Mt.22:14 Porque muitos são chamados. MAS POUCOS OS ESCOLHIDOS. Confie... As coisas acontecem na hora certa. Exatamente quando devem acontecer! Momentos felizes, louve a Deus. Momentos difíceis, busque a Deus. Momentos silenciosos, adore a Deus. Momentos dolorosos, confie em Deus. Cada momento, agradeça a Deus.
DEUS CAPACITA OS ESCOLHIDOS.



SUA PERSPECTIVA

Quando você olha para este mundo, qual é a primeira coisa que chama a sua atenção? Você focaliza nos problemas, nos medos, nos desapontamentos ou você vê a beleza deste mundo criado magistralmente por Deus com toda sua riqueza, exuberância e positivas possibilidades?

Se você olhar a vida pelas lentes do negativismo, a vida vai responder e se ajustar ao máximo para preencher a sua expectativa. Por outro lado, a recíproca é essencialmente verdadeira. Seria porventura irrealístico olhar para o lado bom e positivo das coisas e ter mesmo uma expectativa melhor da vida? Não! Isso porque a realidade em si mesma é neutra, o que você recebe depende da sua perspectiva e o que você faz com ela.

As circunstâncias e eventos da vida estão – em sua grande maioria – completamente fora do seu controle. Todavia, você pode controlar a sua maneira de perceber, responder, adaptar e, sim, até mesmo de prosperar sob a sua influência. Existem bondade, beleza, amor, alegria e inúmeras oportunidades para você escolher. Olhe realisticamente para o mundo, veja o que há de melhor e traga isso para a sua vida.
Para Meditação:
Quantas são as tuas obras Senhor. Fizeste todas elas com sabedoria! Salmos 104:24

Chegar ao Fim

Sempre é preciso saber quando uma etapa chega ao final.Se insistirmos em permanecer nela mais do que o tempo necessário, perdemos a alegria e o sentido das outras etapas que precisamos viver. Encerrando ciclos, fechando portas, terminando capítulos, não importa o nome que damos.O que importa é deixar no passado os momentos da vida que já se acabaram.Foi despedido do trabalho? Terminou uma relação? Deixou a casa dos pais? Partiu para viver em outro país? A amizade tão longamente cultivada desapareceu sem explicações? Você pode passar muito tempo se perguntando por que isso aconteceu. Pode dizer para si mesmo que não dará mais um passo enquanto não entender as razões que levaram certas coisas, que eram tão importantes e sólidas em sua vida, serem subitamente transformadas em pó. Mas tal atitude será um desgaste imenso para todos: seus pais, seu marido ou sua esposa, seus amigos, seus filhos, sua irmã...Todos estarão encerrando capítulos, virando a folha, seguindo adiante, e todos sofrerão ao ver que você está parado. Ninguém pode estar ao mesmo tempo no presente e no passado, nem mesmo quando tentamos entender as coisas que acontecem conosco. O que passou não voltará: não podemos ser eternamente meninos, adolescentes tardios, filhos que se sentem culpados ou rancorosos com os pais, amantes que revivem noite e dia uma ligação com quem já foi embora e não tem a menor intenção de voltar. As coisas passam e o melhor que fazemos é deixar que elas realmente possam ir embora. Por isso é tão importante (por mais doloroso que seja!) destruir recordações, mudar de casa, dar muitas coisas para orfanatos, vender ou doar os livros que tem.Tudo neste mundo visível é uma manifestação do mundo invisível, do que está acontecendo em nosso coração e o desfazer-se de certas lembranças significa também abrir espaço para que outras tomem o seu lugar. Deixar ir embora. Soltar. Desprender-se. Ninguém está jogando nesta vida com cartas marcadas. Portanto, às vezes ganhamos e às vezes perdemos. Não espere que devolvam algo, não espere que reconheçam seu esforço, que descubram seu gênio, que entendam seu amor. Pare de ligar sua televisão emocional e assistir sempre ao mesmo programa, que mostra como você sofreu com determinada perda: isso o estará apenas envenenando e nada mais. Não há nada mais perigoso que rompimentos amorosos que não são aceitos, promessas de emprego que não têm data marcada para começar, decisões que sempre são adiadas em nome do "momento ideal". Antes de começar um capítulo novo é preciso terminar o antigo: diga a si mesmo que o que passou, jamais voltará. Lembre-se de que houve uma época em que podia viver sem aquilo, sem aquela pessoa... Nada é insubstituível, um hábito não é uma necessidade. Pode parecer óbvio, pode mesmo ser difícil, mas é muito importante. Encerrando ciclos. Não por causa do orgulho, por incapacidade, ou por soberba.Mas porque simplesmente aquilo já não se encaixa mais na sua vida. Feche a porta, mude o disco, limpe a casa, sacuda a poeira. Deixe de ser quem era, e se transforme em quem é.

Você já amou tanto assim?

Você Já Amou Tanto Assim?
Há muito tempo atrás, um casal de velhinhos que não tinham filhos, moravam em uma casinha humilde de madeira, tinham uma vida muito tranquila, alegre, e ambos se amavam muito. Eram felizes.Até que um dia...Aconteceu um acidente com a senhora. Ela estava trabalhando em sua casa quando começa a pegar fogo na cozinha e as chamas atingem todo o seu corpo. O esposo acorda assustado com os gritos e vai a sua procura, quando a vê coberta pelas chamas e imediatamente tenta ajudá-la. O fogo também atinge seus braços e, mesmo em chamas, consegue apagar o fogo.Quando chegaram os bombeiros já não havia muito da casa, apenas uma parte, toda destruída. Levaram rapidamente o casal para o hospital mais próximo, onde foram internados em estado grave. Após algum tempo aquele senhor menos atingido pelo fogo saiu da UTI e foi ao encontro de sua amada. Ainda em seu leito a senhora toda queimada, pensava em não viver mais, pois estava toda deformada, queimara todo o seu rosto.Chegando no quarto de sua senhora, ela foi falando:- Tudo bem com você meu amor?- Sim, respondeu ele, pena que o fogo atingiu os meus olhos e não posso mais enxergar, mas fique tranquila amor que sua beleza está gravada em meu coração para sempre. Então triste pelo esposo, a senhora disse-lhe:Deus vendo tudo o que aconteceu a meu marido, tirou-lhe as vistas para que não presencia esta deformação em mim. As chamas queimaram todo o meu rosto e estou parecendo um monstro. Passado algum tempo e recuperados, voltaram para uma nova casa, onde ela fazia tudo para o seu querido esposo, e ele todos os dias dizia-lhe: COMO EU TE AMO!E assim viveram 20 anos até que a senhora veio a falecer.No dia de seu enterro, quando todos se despediam, então veio aquele senhor sem seus óculos escuros e com sua bengala nas mãos, chegou perto do caixão, beijando o rosto e acariciando sua amada, disse em um tom apaixonante: “Como você é linda meu amor, eu te amo muito”.Ouvindo e vendo aquela cena um amigo que esta ao lado perguntou se o que tinha acontecido era milagre e, olhando nos olhos dele, o velhinho apenas falou: Nunca estive cego, apenas fingia, pois quando a vi toda queimada sabia que seria duro para ela continuar vivendo daquela maneira. Foram vinte anos vivendo muito felizes e apaixonados!!!Na vida temos de provar que amamos! Muitas vezes de uma forma difícil E, para sermos felizes,temos de fechar os olhos para muitas coisa,mas o importante é que se faça única eintensamente com AMOR!

NATAL

O que significa o Natal? Esta festa tão popular, que já atingiu países tão distantes e fechados como o Japão e a China, e que é comemorada em todo o mundo sempre foi sinônimo de alegria! Mas, qual seria o seu real fundamento? Seria o Natal uma festa genuinamente cristã? Precisamos conhecer suas origens para percebermos o que tem sido feito durante séculos e história, a fim de que entendamos o real significado do Natal e também possamos nos posicionar e escolher entre celebrarmos as "Festas do Senhor" ou continuarmos a celebrar festas pagãs na Igreja!
O natal é sem dúvida a maior celebração conjunta, e que "une" os povos de todo o mundo nesta época do ano. Negar tudo isso seria estupidez. Porém, devemos admitir que tudo isso nada tem a ver com Deus e com Sua Palavra, e por isso somos chamados a escolher entre o certo e o errado: "Mas a palavra está mui perto de ti, na tua boca, e no teu coração, para a cumprires. Vê que hoje te pus diante de ti a vida e o bem, a morte e o mal. Se guardares o mandamento que eu hoje te ordeno de amar ao Senhor teu Deus, de andar nos seus caminhos, e de guardar os seus mandamentos, os seus estatutos e os seus preceitos, então viverás, e te multiplicarás, e o Senhor teu Deus te abençoará na terra em que estás entrando para a possuíres. Mas se o teu coração se desviar, e não quiseres ouvir, e fores seduzido para adorares outros deuses, e os servires, declaro-te hoje que certamente perecerás; não prolongarás os dias na terra para entrar na qual estás passando o Jordão, a fim de a possuíres. O céu e a terra tomo hoje por testemunhas contra ti de que te pus diante de ti a vida e a morte, a bênção e a maldição; escolhe, pois, a vida, para que vivas, tu e a tua descendência, amando ao Senhor teu Deus, obedecendo à sua voz, e te apegando a ele; pois ele é a tua vida, e o prolongamento dos teus dias; e para que habites na terra que o Senhor prometeu com juramento a teus pais, a Abraão, a Isaque, e a Jacó, que lhes havia de dar" (Dt 30:14-20). Agora só depende de nós! Podemos optar pela obediência e pela vida, mas também nos é dada a liberdade para optarmos pela desobediência e pela morte! Faça sua escolha!